AGREGUE VALOR AO SERVIÇO DE ARQUITECTURA E DESIGN DE INTERIOR

Publicado em Por Demi Sem Comentários

8

A importância do design de interior e arquitectura têm crescido bastante nas residências e a automação se aproxima para reforçar isso. Cada vez mais a população está usufruindo de sua própria residência para o lazer. Isso faz com que o investimento do usuário em estrutura, decoração e equipamentos para o conforto do lar se torne cada vez mais prioritário. Essa demanda aumenta proporcionalmente à medida que a idade e o número de membros na família aumenta.

A sociedade está em transformação e a residência deve acompanhar tais mudanças para seu benefício. A busca pelo bem estar é constante para as pessoas principalmente quando aliado à segurança e ao conforto. O designer ou arquitecto é responsável por edificar cada momento social do usuário viabilizando as necessidades técnicas, funcionais e estéticas de cada ambiente.

Portanto para desenvolver um projecto de design de interiores, o profissional harmoniza, em um determinado espaço, móveis, objectos e acessórios, procurando conciliar conforto, practicidade e beleza. Porém, é necessário ao profissional muito estudo em cada serviço e ainda inovar suas competências. O profissional deve fazer uso das melhores estratégias para manter-se em sintonia com as demandas do mercado de trabalho e do público, tendo em vista o crescimento e a diversificação das actividades ligadas ao design de interior e arquitectura.

A velocidade de lançamentos de novas tecnologias, a grande variedade de produtos e a intensificação da concorrência têm gerado a necessidade de investir em novos conhecimentos aos profissionais. A automação se apresenta como uma óptima ferramenta para fazer esse diferencial e agregar valor ao serviço, pois além de incorporar tecnologia ao projecto a automação residencial irá salientar ainda mais cada detalhe da decoração, do projecto arquitetônico, de iluminação e principalmente a sensação de conforto de tudo isso para o cliente.

Benefícios da automação residencial para seu cliente:

Conforto e Practicidade

  • Controle de todas as funcionalidades da residência de um só dispositivo (Smartphone, tablet ou interruptor);
  • Controle através de cenas (accionamento conjunto de equipamentos);
  • Efeitos luminotécnicos.

Segurança

  • Controle de acesso (histórico de acesso à residência);
  • Visualização de câmaras pelas interfaces (Tablets e Smartphones).

Sustentabilidade

  • Diminuição da ilha de calor, do efeito de tempestades e poluição luminosa;
  • Reuso da água;
  • Diminuição do consumo de energia por gestão do consumo – monitoramento e actuação;
  • Qualidade interna do ambiente.

Aos arquitectos e designers cabe a responsabilidade de projectar e edificar o ambiente habitado pelo ser humano, isto é, materializar espacialmente a cultura, a história e a necessidade do usuário para seu ambiente. Neste sentido, a automação surge para dar maior dinâmica e personalização do projecto de acordo com o dia a dia do usuário. A automação não é produto, mas uma forma de agregar a practicidade e a actuação orgânica do residente à habitação. A casa passa a actuar de acordo com os hábitos de cada pessoa.

Para realizar um projecto de automação é necessário à contractação de um especialista da área, o integrador de sistemas. Sua formação provém de uma grande variedade de áreas de conhecimento e diferentes experiências. O integrador deve oferecer opções de acordo com o perfil do usuário, apresentando as melhores soluções. Normalmente o designer ou arquitecto estrutura uma parceria duradoura com a empresa de automação, pois o integrador é uma peça importante no projecto eléctrico, de rede e home theater da residência.

A cada dia a automação ganha novos adeptos. Em parte pela redução do custo dos equipamentos, mas principalmente pelos benefícios que a automação residencial gera aos profissionais de arquitectura, design de interior e, claro, os clientes usuários. Portanto, invista neste conhecimento para multiplicar os benefícios de seu serviço em prol do bem estar de seus clientes.

Deixe uma resposta